O Fator de Desenho 9 do COBIT 2019

Esse Fator trata dos métodos de implementação de TI: Ágil, DevOps e Tradicional. No desenho do framework, a organização deverá definir os percentuais de cada um desses métodos.

No mês passado, fiz o desenho do framework COBIT 2019 para uma empresa de Brasília e os resultados foram: Ágil – 60%, DevOps – 20% e Tradicional – 20%. Fiquei satisfeito com o resultado, pois mostrou que a empresa está atualizada em relação às técnicas mais modernas de implementação de TI. O percentual baixo de DevOps justifica-se pelo modelo operacional adotado.

A propósito, na Figura 4.7 do COBIT 2019 Design Guide, aparece uma quarta opção, a Híbrida (Hybrid), que não foi contemplada na planilha disponível em (www.isaca.org/COBIT/Pages/COBIT-2019-Design-Guide.aspx). Portanto, não a considerei.

Além disso, para o DevOps, o Guia lista apenas o componente Estrutura Organizacional, deixando de lado o componente mais importante – Cultura e Comportamento. Como vocês sabem, misturar os ambientes de desenvolvimento de software e de infraestrutura de TI não é uma tarefa fácil!

 

Dr. João Souza Neto

Professor do IBGP no Curso “Governança de TI no Setor Público Utilizando o COBIT 2019”.

Saiba mais em:

Curso Governança de TI no Setor Público utilizando o COBIT 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *