FONTES FILHO, 2003

 

Título: Governança organizacional aplicada ao setor público

In: VIII Congreso Internacional del CLAD sobre la Reforma del Estado y de la Administración Pública, Panamá.

Tipo documento: Artigo

Autor(es): FONTES FILHO, Joaquim R.

Ano: 2003

Local: http://unpan1.un.org/intradoc/groups/public/documents/CLAD/clad0047108.pdf

Palavras-Chave: Governança de TI, Teoria de Agência, Teoria Institucional, Setor Público
Resumo:

O objetivo deste artigo é discutir problemas de gestão comuns na administração pública e utiliza os referenciais da teoria da agência e institucional para propor elementos à construção de um modelo de governança que mais específico para o contexto das organizações públicas e sem fins lucrativos. O autor ao enfatizar que o governo da organização é expresso pela distribuição do poder na organização, busca responder questões básicas como: Como se constitui o governo, ou em sua versão aplicada, a governança das organizações? Como as diversas forças se articulam no controle e que conseqüências isso traz para as estratégias e práticas organizacionais? Também busca responder perguntas sobre a Governança Corporativa como: Como compor os conselhos das organizações? A quem cabe determinar seus objetivos? A quem deve se prestar contas (accountability)? Como assegurar a legitimidade da organização? Além de descrever sobre as práticas de Governança Corporativa, apresenta como essas práticas são utilizadas pelo Estado. O autor ainda detalha as limitações da Teoria de Agência na esfera pública e como a Teoria Institucional vem complementá-la.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *